23.6.17

MANUAL DO SUPERPATO


Iniciando uma série original de gibis e livros italianos que nunca foram publicados no Brasil ou Portugal - o "Manual do Superpato" de 1975, da "Arnoldo Mondadori Editori" foi desenhado por Giovan Battista Carpi e Danilo Pecchioni. Os mais variados (E divertidos) assuntos de: magia, o significado dos sonhos, jogos e superstições apresentados pelo Donald (Paperino) e claro, seu alter ego "Paperinik" (Superpato) que sempre foi muito bom em despistar os seus adversários com truques e acessórios mirabolantes e divertidos (Inventados pelo Pardal).
Êsse magnifico personagem foi criado na Itália em junho de 1969 e mostrado ao Brasil só em agosto de 1973, no "Almanaque Disney 27". 
Parece que naquela época, com Strobl, Murry e Bradbury produzindo ainda, nosso país limitava os artistas italianos à pequenas participações nos nossos gibis - fato bem diferente de hoje, onde a produção de quadrinhos Disney dêles supera qualquer expectativa! 


O curioso é que o "Manual Magirama" (Brasil - 1975) - que será relançado neste mês por aqui - é, na verdade, o "Manual do Superpato" SEM a imagem do referido personagem (Pasmem!) em suas páginas, e com a capa modificada! (Confiram nas imagens abaixo)


A matriz utilizada para impressão brasileira foi da editora francesa Hachette (Magirama - Manuel des Castors Juniors) que simplesmente resolveu na época, que a "Superpata"(Criada em abril de 1973) e o "Superpato" seriam substituidos pela Margarida sem o traje de heroína e o Donald...vestido de "Mandrake Genérico" (Num "insight" doido) e assim, simplesmente - os franceses redesenharam todos os
quadros de Carpi que apresentavam o herói (Ou a heroína)mascarado!
Aqui, vocês conhecerão o Manual original - totalmente traduzido - para comparar com a edição brasileira!
Eu redesenhei e reconstruí o título e a capa, para melhor qualidade de visualização e leitura...divirtam-se!

LUIZ DIAS

LINK GRATUITO PARA DOWNLOAD EM CBR.

8 comentários:

  1. PARABÉNS E MUITO OBRIGADO AMIGO LUIZ! MAIS UM GENIAL TRABALHO COM GRANDE ESFORÇO SEU!!!

    Vargas

    ResponderExcluir
  2. Adoro esse blog. Sempre informações úteis para os fãs. Abraço.

    ResponderExcluir
  3. edson tayrone24/06/2017 12:19

    valuu. Muito obrigado.

    ResponderExcluir
  4. Muito interessante essa história.
    Uma pena que optaram por suprimir o Superpato e a Superpata do manual original, adotando a edição francesa. Seria bem interessante ver o paladino nestas páginas, como a sua edição permite agora.
    Parabéns por mais uma grande edição.

    ResponderExcluir
  5. Salve Leitor de Gibi!
    Muito obrigado pelas suas palavras, pois me fazem continuar com meus desejos de sempre trazer novidades para o "Chutinosaco", apesar de todas dificuldades, deixar na web muitos livros e gibis inéditos por aqui!
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  6. Ótima postagem, e fica melhor ainda com a história por trás da edição nacional! Sempre achei curiosas essas decisões editoriais da Abril (tipo Zé Fraude), mas é estranho ver que outros países também faziam essas jogadas. Luiz, alguma explicação do por que os franceses suprimiram o Superpato? O personagem talvez não fosse conhecido fora da Itália?
    Grande Abraço,
    Belasco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salve Belasco!
      Muito obrigado, realmente naqueles tempos além dos gibis e livros serem incrivelmente modificados, os velhos LPs também tinham tiragens diferentes com músicas aleatórias de muitos artistas, como Elvis e Beatles por exemplo!
      Agora, quanto à modificação no Manual pelos franceses...eu conversei com um executivo da Editora Hachette daqueles tempos, que simplesmente não se lembra porque foi feito aquilo, uma vez que o Superpato (Fantomiald) publicado por eles também apareceu por lá em 1974! Mais novidades virão em breve aqui no blog com vários outros livros e suas histórias curiosas!
      Um grande abraço!

      Excluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...