18.6.12

HISTÓRIA DE GIBIS: DONA KAZUE E MONTEIRO LOBATO

Eu e o Nilton do "NBT Gibinautas" estivemos recentemente num "lugar mágico" que fica no centro da cidade de São Paulo - a "Biblioteca Infantil Monteiro Lobato". Buscávamos ali material para uma "Chutireportagem" mostrando um pouco da história da primeira revista dedicada às crianças com quadrinhos e assuntos culturais - "O Tico Tico".
Existem ali, além de livros diversos de vários autores - quase todos os exemplares desta revista tão marcante para o nosso pais - como foi "O Mosquito" para Portugal, por exemplo.
Ao começarmos a nossa visita à esse espaço cultural paulistano que conta muito da literatura brasileira com um acervo invejável - ficamos sabendo de uma autêntica história de gibis - contada pela Dona Kazue - a responsável pela direção da Biblioteca.

Ela conta que no ano de 2011 - ao reformar um setor da Biblioteca, encontrou uma antiga estante, que de tão antiga - práticamente se quebrou ao ser mexida - revelando um "fundo falso" onde se pôde achar   revistas clássicas do inicio dos quadrinhos no Brasil dos anos de 1950: "Tiquinho, "Cirandinha", "Mindinho", "Vida Infantil" e "Pinguinho".

Fotografei estas edições incriveis e postarei em breve todas aqui no "Chutinosaco" restauradas como registro histórico de uma época.
A revista "Tiquinho  no. 57" de setembro de 1954 é a primeira amostra de como se fazia gibis no nosso país nos anos de 1940-1950.
No formato "Leia e Leve" - você pode conhecê-la!



3 comentários:

  1. Bom dia........

    Parabéns pela brilhante iniciativa.

    Precisamos mostrar a todos que nosso pais não se resume à futebol e música de qualidade discutível.

    Existe um belo conto de ficção, de Ray Bradbury, em que os personagens dos livros (e gibis) morriam aos poucos quando deixavam de ser lidos e lembrados....neste conto, que já foi utilizado milhoes de vezes em desenhos e séries para a tv, os personagens gritavam para os leitores de suas prateleiras abandonadas...

    Lindo e poético.....

    Não deixem jamais isto acontecer, imagine que esta ficção seja verdade.....NUNCA MAIS perca seu tempo assistindo, por exemplo aos domingos programas MEDÍOCRES na tv aberta.....dê valor e chance para a literatura!!!

    Parabéns!!!

    Peter Hammill -SP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salve amigo Peter...muito obrigado em nome de todos os envolvidos - pelas suas palavras de amizade e incentivo - nesta tentativa do "Chutinosaco" de criar uma idéia de "projeto cultural" - acrescentando um pouco mais de informação para as novas gerações e assim usar a web para dissiminar novas fórmulas de conhecimento através dos gibis e dos livros que sempre envolveram nossas vidas.
      Um grande abraço!

      Luiz Dias

      Excluir
  2. Infelizmente no Brasil se cultiva muito pouco a arte da memória e a memória da arte. Que bom que quando se fala de quadrinhos, existam os abnegados como vocês aqui do Chutinosaco, do Quadradinhos Patópolis, Quadradinhos Antigos, etc, que por puro amor, doam seu precioso tempo para escanear e compartilhar essas jóias conosco. Pena que não se tenha esse esmero em relação a outros tesouros culturais do pais. Abraços

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...